NUDI UFSM

Blog do Núcleo de Direito Informacional da Universidade Federal de Santa Maria.

A “Formatura roubada da Odonto”

Bom dia, pessoal!

Hoje tentarei ser mais breve, mas vou trazer outra notícia que tumultuou as redes sociais dos santa-marienses na semana pré-natal: a descoberta do furto da conta dos formandos de Odontologia 2011/2 da Universidade Federal de Santa Maria (http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/policia/noticia/2011/12/estudante-teria-furtado-dinheiro-de-formatura-de-curso-da-ufsm-3604243.html).

A história infelizmente não é inédita: um integrante da comissão de formatura, com acesso à conta da turma, na qual se depositou durante toda a faculdade os valores para a festa de colação de grau, roubou grande parte do arrecadado (estima-se que o total “surrupiado” sejam 90 mil reais).

Apesar de não ser um caso isolado na própria UFSM, provavelmente se ocorresse em outra era, que não a digital, a “história” somente seria apresentada nos jornais tradicionais impressos e televisivos. Entretanto, estando no momento de plena atividade da internet, com redes sociais e outros sites que dinamizam relacionamentos, a “Formatura roubada da Odonto”, como ficou conhecido o caso, transformou-se em campeão de compartilhamentos e visualizações no dia 21.12 – quando a fraude foi descoberta – e nos que se seguiram.

Assim, além de receber a compaixão de pessoas alheias à história, o grupo de estudantes aproveitou a “fama” deste triste episódio para tentar recuperar o dinheiro perdido: além de compartilhar imagens com pedidos de depósito na conta da turma, utilizou outra ferramenta conhecida pelos internautas, o Vakinha onlinesite que oportuniza a criação de “pedidos” online de doação. Nesse sentido, todos os que se sentirem “atraídos/motivados”, conhecedores ou não do episódio, podem doar qualquer valor em dinheiro para contribuir com os formandos desolados (http://www.vakinha.com.br/VaquinhaP.aspx?e=116993).

Imagem

Imagem compartilhada no Facebook pela turma e internautas simpatizantes.Imagem

“Vakinha” da turma de Odontologia na noite do dia 26.12

E neste momento temos um ponto interessante para reflexão: será efetivo? Quero dizer, é claro que qualquer valor recebido será uma dádiva para a turma, mas de todo o movimento gerado pela questão, principalmente no Facebook, haverá um “resultado” efetivo nos moldes da repercussão online?

Mensurar a efetividade da internet sempre será uma missão complicada. Em nossas pesquisas, já tentamos alcança-la, como, por exemplo, ao tratar acerca das petições online. Mas, na relatividade deste mundo, os movimentos virtuais também acabam sendo relativamente imensuráveis. Será que estamos prontos para agir efetivamente na forma virtual, ou a demonstração e propagação de valores e vontades permanecem no mundo das ideias, sem concretização?

Que esse assunto é instigante e poderia se estender por páginas, é imaginável. Seria interessante refletir acerca de campanhas, mobilizações e outros acontecimentos proporcionados pelo Facebook… Mas ok, deixemos pra uma próxima.

Agora, quanto à “Formatura Roubada da Odonto”: apesar das 28.332 visitas ao site da Vakinha da Odonto até segunda à noite (26.12.11), o valor arrecadado, em cinco dias, foi de R$ 2.275,00 (lembrando que o objetivo final são R$ 60.000,00).

Portanto, ou os doadores são “pão-duro” e doaram, aproximadamente, R$ 0,08 cada, ou o número de visitantes curiosos, e, consequentemente, o chamarisco da história, refletem muito mais compaixão do que efetivo auxílio à turma…

O que o leitor pensa a esse respeito? Merece reflexão.

Obrigada e até a próxima.

7 responses to “A “Formatura roubada da Odonto”

  1. Patrícia Dezembro 27, 2011 às 13:37

    Fran, acredito toda a exposição no facebook vai ajudar eles, pq além desse dinheiro – que não chega nem perto do objetivo dos R$ 60.000,00-, eles receberam doações, inclusive de uma cadeira odontológica. Então o prejuízo não será tão grande, graças a toda a movimentação virtual. Acho que foi válida!

  2. franraminelli Dezembro 28, 2011 às 23:09

    Sim, certamente qualquer dinheiro arrecadado será de grande valia! Mas eu sempre me questiono acerca da movimentação para uma causa (no caso, só no site da Vakinha foram mais de 29 mil visitas) e o número de pessoas que efetivamente quer se movimentar/contribuir.

    Claro que aqui foi um caso pontual, mas em outros movimentos também percebemos essa diferença entre propagar e ‘agir’ (virtualmente) de fato.🙂

  3. D.D.P. Dezembro 30, 2011 às 14:55

    Complicado mesmo!!!! Sonho todo mundo tem e momentos como esse é um sonho, não só para os que conquistaram mas para a família q se orgulha. Esses colegas tem q correr atras do preju com o acusado. Me admiro uma turma dessas em 5 anos não pedir mensalmente acompanhamento bancário e mais de um a cada mês ir lá para tirar extrato. Mas aconteceu e se 34 pessoas não pensaram nisso, não vai ser os curiosos que vão pagar. Se pudesse mesmo ajudaria mas tenho meus gastos e compromissos. Uma pista o loucooo mora aqui na minha ruaaa. Colegas deveriam lr lá recuperar as coisas q ele comprou com o $ de vocês!!! Bjus

  4. Noemi Janeiro 4, 2012 às 10:40

    Fran, muito bom o teu post no blog. E em relação a tua preocupação em relação as mobilizações concretas (reais) acredito que as novas mídias somente irão atingir o fim desejado com o auxílio das mídias tradicionais, como no caso do Yorkshire, que mobilizou muito mais gente por causa da repercussão também em jornais tradicionais. Um caminho leva ao outro, mas no caso da turma da odonto acho complicado a repercussão nas mídias tradicionais, uma vez que furtos e roubos acontecem todos os dias em nosso país, ao passo que um cachorrinho morto pela própria dona em frente a uma criança não acontece todos os dias. Pelo menos não chega ao nosso conhecimento com tanta frequência. Espero que a turma da odonto consiga mobilizar também a imprensa local e sensibilizar os telespectadores. Abraços!!!

  5. Joaquim gularte Janeiro 18, 2012 às 17:40

    Gostaria de saber o resultado final dessa operação em favor dos alunos e se houve a formatura. E não houve, quando vai ser realizada. Obrigado

  6. Joaquim gularte Janeiro 18, 2012 às 17:47

    Gostaria de saber noticiais de como finalizou essa historia se houve formatura. Quanto faturaram para cobrir o prejuízo. Obrigado

  7. andré souza Fevereiro 22, 2013 às 10:20

    acho que estas “vaquinhas” são ilegais!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: